Início >> Livros >> A Pronúncia do Inglês Americano – com todas as 1.000 regras da fonologia inglesa (Portuguese Edition)

A Pronúncia do Inglês Americano – com todas as 1.000 regras da fonologia inglesa (Portuguese Edition)

A Pronúncia do Inglês Americano - com todas as 1.000 regras da fonologia inglesa (Portuguese Edition)

Comprar livro agora

Você já imaginou um livro contendo todas as REGRAS DA PRONÙNCIA DO INGLÊS para você nunca mais precisar recorrer ao Dicionário?

Pois saiba que esse livro já existe, e foi publicado no Brasil no ano de 2007.

O Guia da Pronúncia Inglesa – O Único, adaptado ao inglês falado nos Estados Unidos, funciona perfeitamente como um autêntico Dicionário Fonológico da Língua Inglesa. Toda a fonologia do inglês explicada rigorosamente em ordem alfabética… imperdível! Eu tenho desde 2012, e aposentei o meu Webster e o meu Oxford para o fim da assimilação dos sons ingleses.

Essa obra, agora com este título de capa, embora o conteúdo seja o mesmo, o formato é diferente. Está em PDF, convertido para o Kindle da Amazon. Fácil para você abrir o arquivo em qualquer lugar em seu smartphone, tablet e computador. E, como em PDF, o livro não perece nunca, você, se quiser, imprime as suas 250 páginas infinitas vezes. Ótimo aos professores de inglês que desejem uma remuneração extra combinando aulas de conversação com aulas de pronúncia, através deste método de memorização dos sons das Letras em Destaque ( ABCDEF…) Letras em Grupos ( AA, AE, AI, AIR, AO, EA, EAD, EIT, EY, IET, ITIS, UITY, NUCL, QUA, WA, e mais 600 outros )

e Letras em Sistemas ( ambientes ortográfico-fonêmicos onde ficam as VOGAIS = A E I O U Y + CONS 1 + E final, exemplos para A som ei: same, gate e pale.

Se for aluno de inglês, faça como seus colegas do Brasil inteiro que já possuem a obra, mas tem um porém: nada de fazer pegadinha com o professor; pois se ele não tiver este livro, certamente, pode cometer o equívoco de não saber pronunciar certo palavras no nível de SQUASH, SWAMP, ANABASIS, HALITOSIS, TRACHEAE, CONTIGUITY, EXTEMPORANEITY, SCHISTOSOMIASIS e SOBRIETY, são vocábulos de origem latina e que fazem parte do conjunto de 70% do dicionário.

Veja que maravilha, como esses radicais também constam no português, apesar das modificações de grafia, deciframos sem dificuldade o significado de 700 mil palavras greco-latinas adaptadas ao inglês. Ora, já viu ter de recorrer aos léxicos ingleses grandes, de milhares de páginas, só para memorizar os sons de 700 mil palavras latinas? Que desperdício de tempo!

A PRONÚNCIA DO INGLÊS AMERICANO me fez chegar aos sons de 90% do vocabulário inglês em no máximo 6 meses. Hoje ensino pós-graduação em São Paulo utilizando a metodologia do Prof. Fábio Braga, autor da obra. É sucesso, colega, é sucesso, aconselho fazerem o mesmo.

Voltando às palavras lá de cima, quem conhece e já decorou as regras de pronúncia do inglês tira de letra os sons delas, e ainda explica os porquês de tais vocábulos serem chamados de tais maneiras, eu sou um deles, um dos beneficiados com as regras, por isso eu vou explicar:

SQUASH som da letra S ( moleza ), som do grupo QUA ( kuó ) assim como quality, squat e squadron ( moleza ), som do SH ( moleza ). SWAMP, sons de S,M,P e do grupo WA que soa uó, como em water, was e swat ( moleza ). ANABASIS ( e-né-be-ziz ), a terminação VOG 1 + CONS 1 indica proparoxítonos como pyramid, analysis e animal.

HALITOSIS ( hé-li-tou-ziz ) strees em O do grupo sufixal OSIS.

TRACHEAE ( trei-ki-i ) no sistema AEIOU + CON 1 + VOG 2,3 a vogal A soa ei, como em facial, radium e herbaceous. CH com som de K conta 1 consoante.

CONTIGUITY ( kan-ti-guíu-i-ti ) stress em U do grupo sufixal UITY, de continuity e exiguity.

EXTEMPORANEITY ( iks-tem-por-e-ní-i-ti ) stress em E ( som i forte ) no grupo EITY como em spontaneity e deity.

SCHISTOSOMIASIS ( chis-te-se-mai-e-ziz ) stress em I do grupo proparoxítono IASIS de psoriasis e myiasis

e SOBRIETY ( sou-brai-e-ti ) stress em I do grupo IET, de diet, anxiety e society

Não é legal? Se você ler uma revista americana, você vai repetir as 1.000 regras milhares de vezes. Um exercício bom é ler em voz alta os textos em inglês, foi assim que eu aprendi rápido e com eficiência.

Nelson Villares – doutor em letras pela UCLA

Veja Também!

Direito Administrativo 2: Organiza‹o da Administra‹o, Responsabilidade Civil do Estado, Agentes Pœblicos – Vol. 32

Moderna e prática, a Coleção Saberes do Direito abrange as principais disciplinas do curso. Longe de …